Poeta Abraão Marinho
Fracassado não é aquele que perdeu uma luta, mas aquele que desistiu da guerra.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

SONETO DA RECONSTRUÇÃO
 
As horas passam, o silêncio agoniza,
A aurora das flores desaparece,
Os espinhos nascem, e deles, envelhecem
As cinzas, a luz, o sopro, o dia.
 
As horas, atônitas, se escondem
No horizonte, no vapor, na escuridão;
Revestem suas dores com a solidão,
E às estrelas sem brilho, respondem:
 
Por que não brilham ao menos na agonia
Para trazer esperança aos pássaros
E beleza ao canto sem harmonia?
 
Porque estou a descansar eternamente,
Esperando os espinhos reconstruírem
A lua, o sopro, a vida, novamente.
 
Itacoatiara-AM, 31 de setembro de 2019.
Abraão Marinho
Enviado por Abraão Marinho em 10/01/2020
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.poetaabraao.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários